Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

uso externo

uso externo

11
Out17

Sós na multidão

Ricardo Jorge Pereira

Quero hoje reflectir sobre um artigo que li, há dias, na edição online do jornal South China Morning Post.

O artigo – “Finding a cure for Hong Kong’s loneliness must be a priority” – dizia, por exemplo, o seguinte:

«Hong Kong é uma cidade muito solitária e esta triste epidemia está, lentamente, a matar a nossa geração mais nova. Muitos habitantes de Hong Kong sentem-se sós apesar de viverem num dos locais mais densamente povoados do planeta. Com cerca de 7.3 milhões de residentes, a cidade regista uma densidade populacional de 6.644 pessoas por cada quilómetro quadrado. Já no distrito de Kwun Tong a ‘situação’ é bastante pior. Nove vezes pior: 57.250 pessoas por cada quilómetro quadrado1».

Estou a recordar-me, de facto, de algumas das palavras do narrador no trailer do filme dos portugueses João Pedro Rodrigues e João Rui Guerra da Mata – “A Última Vez que Vi Macau” (de 2012): «Macau nunca pára. É a cidade com a maior densidade populacional do mundo e também a cidade onde nos podemos sentir mais sós».

Pessoas rodeadas de pessoas mas sós…

Mas não é só na China que existe solidão.

O Centre de Recherche pour L’Étude et L’Observation des Conditions de Vie (de França) efectuou, recentemente, um estudo - “«T’ as pas d’amis, tu sers à rien»: être jeune et isolé en 2017”.

Concluiu2 que «São considerados como estando num quadro de isolamento social os jovens que não têm acesso a qualquer uma das redes sociais de apoio [de base familiar ou de amizade, por exemplo]. Ou seja, cerca de 700 000 (ou 6%) indivíduos pertencentes à faixa etária entre os 15 e os 30 anos. Alguns destes jovens encontram-se, igualmente, numa situação de vulnerabilidade social já que estão sempre em contacto com pessoas pertencentes a uma dessas redes: é o que se passa com cerca de 1.4 milhões de jovens (ou 12% dos indivíduos dessa faixa etária)».

E em Portugal?

 

 

1 Já em Portugal a densidade populacional é de cerca de 115 habitantes em cada quilómetro quadrado...

2 Deverá, contudo, ter-se muita cautela a retirar-se conclusões já que este estudo foi realizado tendo por base a entrevista a, apenas, cerca de 2000 pessoas com idades compreendidas entre os 15 e os 30 anos, residentes em França, entre meados de Abril e o início de Maio de 2017, e em “linha” (na Internet). 21 desses jovens foram, depois – em Junho do mesmo ano –, questionados telefonicamente.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Favoritos

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D