Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

uso externo

uso externo

12
Dez17

Turismo policial

Ricardo Jorge Pereira

Li, há pouco, que uma empresa brasileira liderada por funcionários de uma força de polícia do estado do Rio de Janeiro (não sei se a Civil, se a Militar) está a organizar uma espécie de ‘pacote’ turístico de aventura sendo os clientes convidados a experimentar o treino quotidiano daqueles agentes policiais como prática de tiro, operações de resgate de pessoas feridas e mergulho, por exemplo.

Na verdade, como explica a Introdução do livro editado, em 2005, pela universidade espanhola de Castilla-La Mancha Gestión del turismo cultural y de ciudad, «têm, nos últimos anos, sido várias as tendências experimentadas, no âmbito do Turismo, tanto no lado da oferta como no lado da procura, que, ocasionando o aparecimento de novas necessidades, têm estado, ao mesmo tempo, a exigir aos gestores do sector a adopção de novos ‘caminhos’ e estratégias».

Até porque, segundo conclui o livro Fundamental dos estudos de mercado – teoria e prática; (publicado pela editora Sílabo em 2007), «o mercado não é homogéneo pois é constituído por consumidores/clientes com diferentes: necessidades, desejos, hábitos/comportamentos, poder de compra e motivações de compra».

A iniciativa parece-me, em suma, francamente positiva: mobiliza para o sector do Turismo um conjunto de profissionais verdadeiramente capazes de dotar os clientes de conhecimentos directos sobre o trabalho diário de muitos desses agentes da autoridade (tendo, se se quiser dizer assim, uma função didáctica) e, ao mesmo tempo, dá aos clientes a oportunidade de experienciar actividades que a maioria deles apenas vê em séries televisivas...

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D